Jornal Meio Dia
Menu Dropdown Horizontal - Linha de Código




Dr. Thales processa o prefeito Jarbinhas de Guaxupé e demais responsáveis pelo Decreto de flexibilização

2020-05-21



O promotor de Justiça, dr. Thales Tácito Pontes Luz de Pádua Cerqueira, entrou com pedido de Ação Civil Pública contra o prefeito Jarbas Corrêa Filho (Jarbinhas) e membros do Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus, além de demais responsáveis pela edição do Decreto 2.212, que resultou na flexibilização do período de Quarentena em Guaxupé. No processo, que será apreciado pela 1ª Vara Cível e da Infância e da Juventude (do juiz Milton Biagioni Furquim), o representante do Ministério Público pede a revogação da referida lei municipal.

Dr. Thales enviou ao Judiciário uma peça de 492 páginas, por meio da qual tentará converncer o magistrado de que o prefeito Jarbinhas colocou a população em risco ao promover a reabertura gradativa de pontos comerciais, industriais e da prestação de serviços. Com estudos técnicos, laudos científicos, testemunhos de médicos favoráveis ao distanciamento social, assim como reportagens em níveis municipal, regional, nacional e até mundial, o promotor expõe que os guaxupeanos poderão ser contaminados em massa pelo Novo Coronavírus por consequência do afrouxamento da quarentena.

Conforme divulgado pelo JOGO SÉRIO, dr. Thales Tácito e o prefeito Jarbinhas têm travado verdadeira batalha sobre suas convicções com relação às medidas de preçenção ao vírus. O promotor, de um lado, já fez seis recomendações pelo fim da flexibilidade do isolamento social horizontal. O prefeito, por sua vez, respondeu que as ações adotadas seguem ao "Protocolo Minas Consciente", criado pelo governo estadual, com o objetivo de retomar a vida econômica em Minas Gerais, mas protegendo, ao mesmo tempo, toda a população. Elencada em R$ 100 mil, a ACP motivada por dr. Thales deverá ser apreciada pelo juiz, dr. Milton, já por estes dias.

Quanto à Prefeitura, de acordo com sua comunicação social, a ação sequer chegou oficialmente ao conhecimento do prefeito Jarbinhas. Mais do que isto, o Município (que na semana passada obteve liminar do juiz, dr. João Batista Mendes Filho, contra supostas interferências de dr. Thales) informou que as respostas às contestações do MP serão feitas apenas dentro do processo. 

 



Comentários



[voltar]    

Publicidade




















• Canais
   Notícias
   Policial
   Culinária
   Vídeos


• Serviços
   Empregos
   Denúncias
   Anunciantes
   Classificados


• Redes Sociais
   Facebook I
   Facebook II



• Expediente
   Jornal Meio Dia
   Fale Conosco


© 2014 Jornal Meio Dia