Jornal Meio Dia




Polícia Civil prende homem que torturou e manteve em cárcere privado mulher por 3 dias em Casa Branca/SP

2020-07-15



Uma mulher de 29 anos conseguiu fugir depois de ser mantida refém e ser torturada por três dias. Ela acusa seu ex-marido das agressões. Segundo a Polícia Civil, a vítima permaneceu em cárcere privado em uma residência no bairro São João, em Casa Branca (SP). O agressor de 25 anos fugiu.

Após o registro da ocorrência e o pedido de medida protetiva, o Promotor Marcos Tadeu Rioli representou pelo pedido de prisão preventiva do acusado que foi deferido pela Justiça.

Na tarde desta terça-feira (14), durante buscas realizadas pela equipe da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), em uma fazenda próximo à Santa Cruz das Palmeiras (SP), o indivíduo foi preso em uma plantação de eucaliptos. Segundo o Delegado Wanderley Martins, ele é acusado de agredir a mulher, dar choques e queimá-la com cigarro.

O caso está sendo presidido pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM). Segundo a polícia, o autor confessou as agressões. Ele foi encaminhado à cadeia pública e será transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP), de Serra Azul (SP). 

Em caso de violência doméstica, NÃO SE CALE, DENUNCIE. (190 /197 /181)

Homem que torturou mulher foi encontrado por investigadores da DIG de Casa Branca/SP



Comentários



[voltar]    

Publicidade
























• Canais
   Notícias
   Policial
   Vídeos


• Redes Sociais
   Facebook
   Instagram



• Expediente
   Jornal Meio Dia
   contato@jornalmeiodia.com.br


© 2020 Jornal Meio Dia