Jornal Meio Dia




Surto de Covid-19 contamina 38 pessoas em asilo de Mococa-SP; Um idoso morreu

2021-04-29



Um surto de Covid-19 no Lar dos Velhinhos Dr. Adolpho Barretto, em Mococa (SP), infectou 38 pessoas, sendo 29 idosos e 9 funcionários. Um idoso de 66 anos que tinha problemas pulmonares morreu na segunda-feira (26), após ter cumprido o período de quarentena.

A instituição de longa permanência abriga 45 idosos e tem 38 funcionários. Segundo o coordenador, Alexandre Fogarin, desde o início da pandemia, não havia sido registrado casos da doença no asilo.

Entre os contaminados, 14 idosos já estão recuperados e 14 ainda estão em período de quarentena, sendo que dois deles estão internados em Mococa: uma mulher de 83 anos está em enfermaria e um homem de 86 anos que teve acidente vascular cerebral (AVC) e testou positivo depois de ser internado. Dos nove funcionários infectados, cinco já retornaram ao trabalho e quatro seguem afastados.

Na unidade, todos tomaram a primeira dose da vacina Astrazeneca em 28 de janeiro. Os funcionários que não se infectaram tomaram a segunda dose nesta quarta-feira (28). Já para os idosos, que permanecem em observação, a aplicação da segunda dose foi adiada.

"Apesar de tudo, está sob controle. Tudo indica que ter tomado a primeira dose da vacinação ajudou para que os casos não fossem graves", afirmou Alexandre Fogarin.

Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, a Vigilância de Saúde de Mococa realizou testes e exames nos moradores da instituição e acompanha a situação no asilo.

Abril foi o mês mais letal da pandemia em Mococa. A cidade registrou 38,3% das mortes por Covid-19 neste mês. Desde o início da pandemia, 5.154 pessoas foram infectadas com o novo coronavírus em Mococa e 162 morreram.

Foto da fachada do Lar dos Velhinhos de Mococa (Fonte: G1/EPTV).  



Comentários



[voltar]    

Publicidade






















• Canais
   Notícias
   Policial
   Vídeos


• Redes Sociais
   Facebook
   Instagram



• Expediente
   Jornal Meio Dia
   contato@jornalmeiodia.com.br


© 2020 Jornal Meio Dia