Jornal Meio Dia




FEMINICÍDIO EM MOCOCA >> Moacir dos Santos é condenado por homicídio triplamente qualificado

2021-07-30



Moacir dos Santos é condenado por homicídio triplamente qualificado
Pena: 26 anos e 8 meses de prisão em regime fechado.

Moacir dos Santos, de 56 anos, foi condenado a 26 anos e 8 meses de prisão, considerado culpado pelo crime de homicídio triplamente qualificado. No dia 24 de janeiro de 2020 ele matou a facadas Elaine Patrícia Braga, de 44 anos, sua ex-mulher.

O crime torna-se mais grave, pois segundo a sentença o criminoso tomou posse da faca na casa dele, caminhou por trinta minutos até a casa da mãe da vítima, na Rua Espirito Santo, na Vila Lambari, e matou Elaine com vários golpes de faca. Moacir foi preso no bairro da Vila Carvalho pela equipe do Cabo Mike e Soldado John da Polícia Militar.

Na decisão do Juiz de Direito, Dr. Sansão Ferreira Barreto, o réu não demonstrou arrependimento. A pena definitiva ficou fixada em 26 anos e 8 meses de reclusão em regime fechado, tendo em vista que o crime é hediondo. A decisão foi dada pelo Júri que aconteceu nesta quinta-feira, dia 29, no fórum da cidade de Mococa. Moacir já estava preso e continua na cadeia.

Segundo a família, Elaine já tinha sido ameaçada de morte por Moacir algumas vezes, mas não tinha medida protetiva. A mãe dela presenciou o crime e acompanhou o julgamento do salão do Júri.

Moacir já foi transferido para a Penitenciária do Estado, onde deve cumprir a pena em regime fechado.

Momento da prisão do Moacir dos Santos, de 56 anos, há quase 2 anos (Fotos: Jornal Meio Dia)

 



Comentários



[voltar]    

Publicidade






















• Canais
   Notícias
   Policial
   Vídeos


• Redes Sociais
   Facebook
   Instagram



• Expediente
   Jornal Meio Dia
   contato@jornalmeiodia.com.br


© 2020 Jornal Meio Dia